Todos os posts de Noticias

ESCLARECIMENTO: ATIVIDADES DE ENSINO DE SURF

Com o intuito de esclarecer toda a comunidade quanto à legalidade das aulas e treinos de surf nesta fase do desconfinamento, produzimos um documento de esclarecimento juntamente com a Federação Portuguesa de Surf (FPS).

Tendo em conta toda a desinformação que foi sendo vinculada ao longo dos últimos dias, as escolas que tinham retomado a sua atividade estavam a ser vistas como incumpridoras, quando a atividade é já permitida em várias regiões.

Assim, decidimos junto da FPS transmitir um sinal de união pela importância do momento que atravessam as escolas de surf, defendendo-as ao esclarecer toda a comunidade que a atividade que desempenham é já legalmente permitida.

Consultar o comunicado neste link.

Top

JÁ ESTÁ DISPONÍVEL A PRIMEIRA VERSÃO DO PLANO DE CONTINGÊNCIA PARA ESCOLAS DE SURF

Conforme o compromisso estabelecido pela Associação de Escolas de Surf de Portugal (AESDP) na Carta Aberta enviada ao Governo, foi hoje entregue a primeira versão do Plano e Manual de Contingência para a retoma da atividade de ensino de surfing.

Este documento é o resultado da participação ativa dos associados da AESDP na procura de uma solução equilibrada, que permita a retoma da atividade económica ligada às modalidades de deslize em ondas em segurança.

A Associação pretende que este seja tido como o primeiro contributo para um plano que deverá estar em constante aperfeiçoamento, que foi partilhado com todos os interessados para que possa haver um maior volume de contributos e sugestões de alteração.

Esta versão do Manual de Contingência AESDP pode ser consultada neste link.

Top

CARTA ABERTA AO GOVERNO

A Associação de Escolas de Surf de Portugal (AESDP) elaborou uma carta aberta ao Governo, que enviou a vários membros do Executivo, aos Presidentes da República, da Assembleia da República, da Federação Portuguesa de Surf e ao Almirante da Autoridade Marítima Nacional.

Esta carta foi enviada com o intuito de sensibilizar para a necessidade de retorno faseado e responsável à atividade, indicando as fases que a AESDP considera dar as necessárias garantias de segurança e de salvaguarda da saúde de todos. A Associação compromete-se ainda a elaborar e apresentar, até ao final do período do atual Estado de Emergência, uma proposta de um manual de contingência e de novas práticas a adoptar por todos os operadores.

A AESDP diz-se consciente que cada uma das atividades económicas, bem como os hábitos recreativos e de lazer da população, terão necessariamente que ir sendo recuperados aos poucos, sendo esta carta o contributo da Associação para o retorno faseado da atividade de ensino de surf, com o intuito de salvaguardar a sobrevivência dos operadores.

A carta pode ser consultada na íntegra através deste link.

Top

TREINADORES E ESCOLAS DEBATERAM O FUTURO DO ENSINO DE SURF EM PORTUGAL

Cerca de 50 operadores de ensino de surf e convidados especiais estiveram reunidos via vídeoconferência no Encontro Nacional de Escolas e Treinadores de Surf, que decorreu ao longo dos dias 26 e 27 de março. Associação de Escolas de Surf de Portugal destaca o sucesso de um “evento único”, em que os operadores definiram estratégias para o futuro pós-COVID19, bem como para o licenciamento e regulamentação da atividade.

Foram cinco as sessões virtuais promovidas pela Associação de Escolas de Surf de Portugal (AESDP) ao longo de dois dias e que contaram com a participação de cerca de 50 associados. Na primeira sessão, reuniram-se os associados da Costa da Caparica para definir a estratégia de criação de um Núcleo Local da AESDP na região. As restantes quatro sessões, ao longo dos dois dias, serviram para apresentação dos resultados de um questionário realizado pela Associação junto das escolas de surf e para debater o futuro da atividade de ensino de surf perante os desafios que enfrenta – consultar resultados do questionário.

Segundo o Presidente da AESDP, João Diogo Pinto dos Santos, “o sucesso deste evento único foi ainda maior do que esperávamos, o envolvimento e a participação ativa de todos foi excecional e conseguimos exatamente o que pretendíamos, que era colocar o futuro da associação nas mãos dos associados. Reforço ainda o nosso agradecimento aos convidados Miguel Pedreira, João Valente, Pedro Almendra e Nuno Jonet, que contribuíram com uma visão isenta e fora da ‘bolha’ das Escolas de Surf em relação ao que deverá ser o futuro da nossa atividade”. 

Por enquanto, os interessados podem esperar mais iniciativas deste género em breve. “O formato digital foi uma novidade e um teste para nós, pelo que estávamos um pouco apreensivos, mas dado o sucesso alcançado estamos já a preparar novos debates”, concluiu João Diogo Pinto dos Santos.

A Associação de Escolas de Surf de Portugal é uma entidade que reúne e representa os operadores de ensino de surf em Portugal, contando com mais de 150 membros associados.

+info: www.associacaoescolasdesurf.pt

Top

ENCONTRO NACIONAL DE ESCOLAS E TREINADORES DE SURF VAI-SE REALIZAR EM FORMATO DIGITAL

A Associação de Escolas de Surf de Portugal (AESDP) encontrou uma alternativa para a realização do 1º Encontro Nacional de Escolas e Treinadores de Surf sem risco de propagação do COVID-19, nos dias 26 e 27 de março, e a participação no evento está à distância de 1 clique.

O evento, que estava inicialmente previsto acontecer na Costa da Caparica, tem como principal objetivo a reunião dos vários operadores de ensino de surf nacionais para debater os mais recentes desenvolvimentos ao nível da regulamentação e ordenamento desta atividade. Segundo a AESDP, as decisões sobre o rumo a seguir e as regras a adoptar para o futuro do sector deverão ser tomadas pelos próprios operadores, sendo este encontro a plataforma para o debate e a tomada de decisão.

Devido à atual situação de pandemia vivida a nível mundial, o evento irá decorrer em formato digital, através de uma série de painéis de debate via vídeo-conferência online. Ao longo dos dias 26 e 27 de março, irão acontecer diversas conferências com a participação de cinco operadores em cada uma, selecionados aleatoriamente e com a moderação da AESDP.

As conferências e sessões de debate terão os seguintes temas:

1. Sustentabilidade do Sector: o Futuro das Escolas e Treinadores de Surf;
2. O Estado Atual da Transferência de Competências nas Praias: das Capitanias para os Municípios.

As consequências do Coronavírus para os operadores e as soluções para as ultrapassar serão também abordadas.

Ao contrário do que estava inicialmente previsto, por motivos de logística e para que o formato possa ser devidamente testado, a participação no encontro é exclusiva aos membros associados da AESDP. A Associação comunicou ainda que posteriormente, assim que estiverem novamente reunidas as condições, será reagendada a sessão presencial aberta ao público.

Este é mais um exemplo de várias iniciativas inovadoras que têm surgido para dar resposta à necessidade de isolamento causada pela propagação do COVID-19.

Todos os interessados em obter mais informações ou participar no encontro, devem contactar a Associação de Escolas de Surf de Portugal para info@associacaoescolasdesurf.pt.

Top

NOVOS REFERENCIAIS FORMAÇÃO GERAL IPDJ

Informamos que já se encontram disponíveis para consulta no site do IPDJ (ver link), os novos Referenciais de Formação Geral para os Treinadores de Desporto, no âmbito da entrada em vigor da Lei n.º 106/2019 de 6 de setembro.

A realização de novos cursos de treinadores estará agora dependente da reformulação dos Referenciais de Formação Específica por parte da Federação Portuguesa de Surf.

Top

CURSO TREINADORES SURFING GRAU I EM SAGRES

Estão abertas as inscrições para mais uma edição do Curso de Treinadores de Surfing Grau I da Academy of Surfing Instructors (ASI).

A ASI é uma entidade amplamente reconhecida ao nível da formação de instrutores e treinadores de surf em todo o mundo, desde 2003. A formação de instrutor de surf ASI permite trabalhar em vários destinos fora da Europa, sendo também reconhecido pelo IPDJ atribuindo o Grau I de Treinadores de Surfing.

O curso é leccionado em formato b-learning e irá decorrer em Sagres, com início já no dia 10 de fevereiro. A componente geral da formação será feita online, enquanto que a componente específica será presencial e leccionada ao longo de uma semana (24 a 29 de fevereiro).

A participação neste curso irá atribuir o seguinte a todos os participantes que o terminarem com aproveitamento:

  • Certificado IPDJ de Treinadores de Surfing Grau I;
  • Filiação ASI válida por 1 ano;
  • Filiação como Treinadores associados da Associação de Escolas de Surf de Portugal (AESDP) – válido por 1 ano.

Os participantes terão ainda a oportunidade de obter o certificado ASI Level 1 Surfing Instructor, válido para trabalhar noutras partes do mundo.

Para mais informações e inscrições:

https://www.academyofsurfing.com/courses/surfing/courses/treinadore-de-surfing-grau-1-europe–surfing-sports-coach-level-1-europe

Top

INSCRIÇÕES ABERTAS PARA A 3ª EDIÇÃO DA FORMAÇÃO “A ANIMAÇÃO TURÍSTICA NO SURF” EM MATOSINHOS

Estão já abertas as inscrições para a terceira edição do curso “A Animação Turística no Surf” que se irá realizar no espaço Manifesto, no Mercado de Matosinhos.

A formação promovida pela Associação de Escolas de Surf de Portugal (AESDP) decorre entre os dias 16 e 18 de janeiro. Com uma duração total de 25 horas, a participação neste curso está aberta a todos os interessados, sendo que no caso de treinadores de surfing, surf ou bodyboard certificados a participação na formação atribui 5 créditos para a renovação das cédulas de treinador IPDJ.

A participação nesta formação atribui:

  • Certificado AESDP de participação
  • Certificado IPDJ de participação e atribuição de 5 Unidades de Crédito da componente específica (Surfing, Surf e Bodyboard)
  • Integração na Plataforma de Profissionais de Surf da AESDP.

A estrutura do curso é a seguinte:

1. Turismo de Surf em Portugal;
2. Regulamentação das Escolas de Surf e Surf Camps;
3. Gestão das expectativas no Surf;
4. A importância da comunicação;
5. Promoção turística: o marketing turístico no Surf;
6. A Sustentabilidade do Turismo de Surf;
7. A iniciação ao Surf no turismo;
8. O Treino na Animação Turística.

Seguem abaixo imagens das edições enteriores desta formação, que decorreram na Ericeira e em Carcavelos.



As inscrições deverão ser feitas por email para info@associacaoescolasdesurf.pt.


Top

TERMINOU MAIS UMA EDIÇÃO DO CURSO “A ANIMAÇÃO TURÍSTICA NO SURF”

Decorreu no passado fim-de-semana, na Praia de Carcavelos, a 2ª Edição do curso “A Animação Turística no Surf” da Associação de Escolas de Surf de Portugal, com o apoio do Clube Lombos Praia.

O curso decorreu de sexta-feira até domingo e atribuiu aos participantes 5 Unidades de Crédito da componente específica para revalidação das cédulas de treinadores. Foram 25 horas de partilha entre formadores e formandos com larga experiência e conhecimento de surf.

A criação desta ação de formação surgiu da auscultação dos operadores, que identificaram a necessidade de obter formação e conhecimentos na área do turismo, de forma a complementar a formação desportiva de base. Uma vez que a grande maioria dos operadores nacionais tem vindo a desenvolver o produto turístico, esta formação permitirá aos treinadores, escolas de surf e surf camps aumentar a competitividade, qualidade e sustentabilidade dos serviços prestados.

É de destacar a qualidade da equipa formadora, com algumas das principais figuras ao nível do ensino, regulamentação e sustentabilidade do surf em Portugal, nomeadamente:

João de Macedo, lenda do surf de ondas grandes e competidor do circuito WSL Big Wave Tour.

João Diogo Pinto dos Santos, Presidente da AESDP e um dos pioneiros no ensino de surf em Portugal.

Miguel Palma Ruivo, Selecionador Nacional de Longboard e um dos pioneiros do ensino de surf em Portugal.

Afonso Teixeira, Mestrado em Gestão de Turismo Sustentável, Diretor Executivo da AESDP.

Classificação geral e apreciação da formação, de acordo com os participantes:

8 / 10

“ Acção de formação bem organizada em local central para os associados”

“Boa equipa de formadores. Temas muito pertinentes.”

A Associação de Escolas de Surf de Portugal está já a preparar as próximas edições deste curso, para oferecer aos treinadores de todo o país a oportunidade de renovarem as suas cédulas e, a todos os interessados, a possibilidade de adquirirem conhecimentos fundamentais sobre o turismo de surf em Portugal. Mais novidades sobre as próximas edições em breve.

Para mais informações e inscrições nas próximas edições do curso, entrar em contacto com a Associação de Escolas de Surf de Portugal para info@associacaoescolasdesurf.pt.

Top
1 2 3 4 5 6 Página 4 de 6