Todos os posts de Novidades

CARTA À FPS

No seguimento do último comunicado enviado às escolas pela Federação Portuguesa de Surf (FPS), que referia não ter sido apresentado formalmente pela AESDP qualquer problema identificado, apesar dos mesmos terem sido repetidamente comunicados em conversas e reuniões, vimos informar-vos que a Direção da AESDP enviou hoje ao Presidente da FPS uma carta expondo alguns desses principais problemas.

Além disso, reforça-se nessa carta que nunca foi o propósito da AESDP o ataque direto à FPS ou à sua equipa, mas sim a luta pela proteção dos interesses e direitos dos operadores e treinadores de surf, que é e continuará a ser a nossa missão. Sempre que sentirmos que esses interesses e direitos forem postos em causa, seja por que entidade for, iremos atuar devidamente e lutar por um contexto justo que considere os operadores no terreno como uma parte fundamental no processo de mudança.

Download Carta à FPS

Top

ENCONTRO NACIONAL DE ESCOLAS E TREINADORES DE SURF VAI-SE REALIZAR EM FORMATO DIGITAL

A Associação de Escolas de Surf de Portugal (AESDP) encontrou uma alternativa para a realização do 1º Encontro Nacional de Escolas e Treinadores de Surf sem risco de propagação do COVID-19, nos dias 26 e 27 de março, e a participação no evento está à distância de 1 clique.

O evento, que estava inicialmente previsto acontecer na Costa da Caparica, tem como principal objetivo a reunião dos vários operadores de ensino de surf nacionais para debater os mais recentes desenvolvimentos ao nível da regulamentação e ordenamento desta atividade. Segundo a AESDP, as decisões sobre o rumo a seguir e as regras a adoptar para o futuro do sector deverão ser tomadas pelos próprios operadores, sendo este encontro a plataforma para o debate e a tomada de decisão.

Devido à atual situação de pandemia vivida a nível mundial, o evento irá decorrer em formato digital, através de uma série de painéis de debate via vídeo-conferência online. Ao longo dos dias 26 e 27 de março, irão acontecer diversas conferências com a participação de cinco operadores em cada uma, selecionados aleatoriamente e com a moderação da AESDP.

As conferências e sessões de debate terão os seguintes temas:

1. Sustentabilidade do Sector: o Futuro das Escolas e Treinadores de Surf;
2. O Estado Atual da Transferência de Competências nas Praias: das Capitanias para os Municípios.

As consequências do Coronavírus para os operadores e as soluções para as ultrapassar serão também abordadas.

Ao contrário do que estava inicialmente previsto, por motivos de logística e para que o formato possa ser devidamente testado, a participação no encontro é exclusiva aos membros associados da AESDP. A Associação comunicou ainda que posteriormente, assim que estiverem novamente reunidas as condições, será reagendada a sessão presencial aberta ao público.

Este é mais um exemplo de várias iniciativas inovadoras que têm surgido para dar resposta à necessidade de isolamento causada pela propagação do COVID-19.

Todos os interessados em obter mais informações ou participar no encontro, devem contactar a Associação de Escolas de Surf de Portugal para info@associacaoescolasdesurf.pt.

Top

NOVOS REFERENCIAIS FORMAÇÃO GERAL IPDJ

Informamos que já se encontram disponíveis para consulta no site do IPDJ (ver link), os novos Referenciais de Formação Geral para os Treinadores de Desporto, no âmbito da entrada em vigor da Lei n.º 106/2019 de 6 de setembro.

A realização de novos cursos de treinadores estará agora dependente da reformulação dos Referenciais de Formação Específica por parte da Federação Portuguesa de Surf.

Top

CURSO TREINADORES SURFING GRAU I EM SAGRES

Estão abertas as inscrições para mais uma edição do Curso de Treinadores de Surfing Grau I da Academy of Surfing Instructors (ASI).

A ASI é uma entidade amplamente reconhecida ao nível da formação de instrutores e treinadores de surf em todo o mundo, desde 2003. A formação de instrutor de surf ASI permite trabalhar em vários destinos fora da Europa, sendo também reconhecido pelo IPDJ atribuindo o Grau I de Treinadores de Surfing.

O curso é leccionado em formato b-learning e irá decorrer em Sagres, com início já no dia 10 de fevereiro. A componente geral da formação será feita online, enquanto que a componente específica será presencial e leccionada ao longo de uma semana (24 a 29 de fevereiro).

A participação neste curso irá atribuir o seguinte a todos os participantes que o terminarem com aproveitamento:

  • Certificado IPDJ de Treinadores de Surfing Grau I;
  • Filiação ASI válida por 1 ano;
  • Filiação como Treinadores associados da Associação de Escolas de Surf de Portugal (AESDP) – válido por 1 ano.

Os participantes terão ainda a oportunidade de obter o certificado ASI Level 1 Surfing Instructor, válido para trabalhar noutras partes do mundo.

Para mais informações e inscrições:

https://www.academyofsurfing.com/courses/surfing/courses/treinadore-de-surfing-grau-1-europe–surfing-sports-coach-level-1-europe

Top

PROPOSTA REGULAMENTAÇÃO E ORDENAMENTO

A Associação começou a trabalhar junto do Turismo de Portugal na criação de regras e critérios para aplicar aos operadores de surf em todo o país, de forma a pôr um fim à discrepância que existe entre Capitanias e em breve, entre Municípios.

Neste sentido, apresentámos ao Turismo de Portugal um primeiro esboço contendo algumas das ideias resultantes da consulta aos nossos associados e das variadíssimas sessões que fizemos por todo o país, nas quais recolhemos muitas destas ideias.

Pretende-se que este documento seja agora trabalhado em maior detalhe, com as contribuições dos nossos associados, bem como do próprio Turismo de Portugal e outros parceiros.

Em breve teremos nova reunião no Turismo de Portugal, pelo que pedimos o contributo dos nossos associados para que possamos levar novas perspetivas para essa reunião.

[Download Proposta Regulamentação e Ordenamento]

Top

GUIA LEGAL: OPERADORES DE ENSINO DE SURF

Tendo em conta a diversidade do contexto legal pelo qual se guiam as escolas de surf e surf camps em Portugal, bem como as dificuldades comunicadas pelos nossos associados e o crescente número de ações de fiscalização, a Associação de Escolas de Surf de Portugal preparou a 1ª Versão do Guia Legal de Operadores de Ensino de Surf.

Este documento deverá servir como guia para uma compreensão geral do contexto legal, consistindo numa síntese informativa, pelo que a respetiva legislação deverá ser também consultada e o apoio jurídico deverá ser procurado quando necessário. Nestas situações, poderão solicitar-nos estes serviços, para que vos possamos auxiliar e encontrar soluções vantajosas com advogados conhecedores da realidade e contexto legal do nosso sector.

Este é o primeiro resultado de um esforço da associação em compilar informação relevante exclusivamente para os nossos associados, que será atualizado à medida que as alterações ao contexto legal o justifiquem. Desejamos que este documento vos seja útil.  O mesmo deverá ser solicitado pelos associados por email, para que o possamos enviar.

Aproveitamos ainda para vos informar que estamos a promover um estudo que analisa a dimensão do sector de ensino de surf em Portugal. Para este efeito, desenvolvemos um inquérito para aferir a real dimensão económica desta atividade, com o intuito de valorizar o ensino de surf e os seus operadores, bem como para reforçar o posicionamento da associação e o seu poder negocial junto das entidades competentes pela regulamentação do sector. Pedimos a todos vós que contribuam para os resultados deste estudo ao preencherem este inquérito, o que não deverá levar mais do que 3 minutos. Podem fazê-lo através deste link: https://forms.gle/Ydx5tqSzgNj2rSoN8.

Top
1 2 3 4 Página 2 de 4